O que estou lendo…

E aqui está minha leitura de maio ()… Não poderia ser diferente, é claro que assim que esse livro chegou em minha casa fiquei louca para lê-lo logo. Pois então, foi exatamente isso que aconteceu.

Só faltam 4 capítulos para descobrir o final dos meus personagens favoritos (Camryn & Andrew ). Em menos de 7 dias cheguei no capítulo 36 (só não terminei ele ainda, por causa das provas), e foi emoção do começo até agora. Estou muito curiosa para saber o final (hoje termino ele). Em breve vocês irão ter a resenha dele aqui no blog, mas antes disso, confiram a sinopse:

Camryn Bennett e Andrew Parrish nunca foram tão felizes. Cinco meses depois de se conhecerem num ônibus interestadual, os dois estão noivos e prestes a ter um bebê. Nervosa, mas empolgada, Camryn mal pode esperar para viver o resto de sua vida com Andrew, o homem que ela sabe que vai amá-la para sempre. O futuro só lhes reserva felicidade… até que uma tragédia os surpreende. Andrew não consegue entender como algo tão terrivelmente triste pôde acontecer. Ele tenta superar o trauma — e acredita que Camryn esteja fazendo o mesmo. Mas, quando descobre que Camryn busca sufocar uma dor imensa de uma forma perigosa, fará de tudo para salvá-la. Determinado a provar que o amor dos dois é indestrutível, Andrew decide levar Camryn numa nova jornada carregada de esperança e paixão. O mais difícil será convencê-la a ir junto… 

Esse livro tem uma capa linda, não só esse, mas, também, o Entre o Agora e o nunca.

Lindos, né? *-*

Quem nunca leu o primeiro livro, confira a resenha aqui no blog, é só clicar aqui. (;

Vejam, também, o vídeo que J. A. Redmerski fez falando sobre Entre o Agora e o Sempre. ^^

É só isso, beijos…

Jusley A.

Top 5: Charlie Brown Jr.

Eis aqui o TOP 5: CHARLIE BROWN JR. (depois de tanto tempo, o post finalmente chegou :S ); digo-lhes o quanto foi difícil escrever esse post, porque ficava pensando quais os motivos que me fizeram escolher essas músicas e, simplesmente, por mais tentativas que fiz para explicar o porquê, não consegui achar.

Gosto dessas músicas porque gosto, e acho que a letra explica, por si só, o motivo que me faz gostar assim delas. Espero que gostem da minha escolha (; :

Número #1: Só os Loucos Sabem

“[…] Eu segurei minhas lágrimas, pois não queria demonstrar a emoção, já que estava ali só pra observar e aprender um pouco mais sobre a percepção, eles dizem que é impossível encontrar o amor sem perder a razão, mas pra quem tem pensamento forte, o impossível é só questão de opinião.” 

Número #2: Me Encontra

“[…] Eu não conheço todas as flores, mas vou mandar todas que eu puder, vivemos tempos de loucos amores só é feliz quem sabe o que quer.” 

Número #3: Ela Vai Voltar (Todos os Defeitos de uma Mulher)

Além de gostar dessa música, ela foi uma das escolhidas pela minha irmã. *-*

“[…] Ela é uma deusa, ela é mulher de verdade, ela é daquelas que tu gosta na primeira, se apaixona na segunda e perde a linha na terceira, ela é discreta e cultua bons livros, e ama os animais.” 

Número #4: Dias de Luta, Dias de Glória

Essa foi uma das escolhidas na votação que teve no instagram (sigam: @loucaporviver), só que houve um empate, então para que houvesse um desempate, minha prima (Cristina ) escolheu essa. (;

“[…] Na minha vida tudo acontece, mas quanto mais a gente rala, mais a gente cresce.” 

Número #5: Um Dia a Gente se Encontra

Essa música não poderia faltar, já que ela foi uma das canções que Chorão deixou antes de morrer. Dois dias após a sua morte, essa música vazou pela internet. E foi batizada com esse título por causa do seu refrão. (Eterno Chorão :’( )

“[…] Então vamos viver, e um dia a gente se encontra.” 

Espero, sinceramente, que vocês gostem das escolhas das músicas, e olhem também as outras músicas escolhidas pelos seguidores do @loucaporviver, vale a pena conferir: Proibida pra mim, Zoi de Lula e O Preço.

E como de costume, o próximo Top 5 será de: COLDPLAY \o/ ()

Beijos…

Jusley A.

Resenha: Entre o Agora e o Nunca

Também me pergunto, mais do que quero admitir, por que tantos pensamentos dele já me fazem sentir que estou me olhando no espelho quando olho para ele. [Camryn] (pg. 77)

 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Título: Entre o Agora e o Nunca
Título Original: The Edge of Never 
Autor: J. A. Redmerski
Páginas: 361
Ano de Lançamento: 2013
Editora: Suma de letras
Gênero: Romance Americano (New Adult)

Demorei (até passei do prazo estipulado :( ), mas, finamente, aqui está a resenha de “Entre o Agora e o Nunca”. E, como não queria colocar qualquer tipo de resenha resolvi reler este livro (a primeira vez que havia lido ele, foi em julho do ano passado) para, assim, poder colocar informações dignas de um livro tão perfeito.

Antes de tudo duas coisas que você deverá saber sobre ele: Ou você vai amar ou odiar, não existe um meio termo (nunca ouvi alguém dizendo: “Aah ele é um livro mais ou menos.”, porém já me disseram que amaram o livro, como também odiaram). E, por último, esse não é o tipo de livro que segue os “bons costumes”, tem palavrão, sexo e jovens tentando descobrir uma forma de felicidade diferente da que é imposta pela sociedade; então, se você não gosta de algum destes temas, possivelmente, você acabará entrando no time dos que odeiam esse livro.

Mas…

Quem nunca passou por problemas e teve vontade de pegar uma mochila, somente com o essencial, e sair de casa, em outras palavras: Quem nunca teve vontade de se afastar, ou fugir, dos seus problemas?

Foi o que Camryn queria, fugir de todos os problemas que a rodeavam, que não eram poucos: Seu namorado morreu, seu pai saiu de casa, seu irmão foi preso, e para piorar, o namorado de sua melhor amiga revela que está apaixonado por ela.

Com tantos “problemas”, ela se sentiu perdida, e se questionava: “[…] O que motiva qualquer um de nós a fazer as coisas que fazemos, quando no fundo uma parte da gente só quer se libertar de tudo?” (Camryn –  pg. 9). Assim, ela decidiu fugir de tudo que estava acontecendo e pegar o primeiro ônibus para primeira cidade que ela imaginasse, então, Cam foi para Idaho.

No caminho, no Kansas (para ser mais exata), em uma das paradas do ônibus no qual Camryn estava, Andrew aparece. E, a partir daí, começa a história de Camryn Bennett & Andrew Parrish. Assim como Cam, Andrew estava fugindo de seus problemas, tentando fugir de sua realidade.

Ambos estavam fugindo de tudo o que os rodeavam, ambos sem querer algo sério (cada um com o seu motivo), e ambos se apaixonando aos poucos um pelo outro. Existem coisas que são predestinadas a acontecer. E uma delas era que Andrew e Camryn tinham que se conhecer naquele ônibus no Kansas.

Um livro com a narração dividida entre Camryn e Andrew,  muito bem escrita, delicado, empolgante, apaixonante, mas acima de tudo inspirador. Uma história de amor diferente das outras, mas, que não deixa de ser perfeita. Você não irá conseguir parar de ler até chegar na última folha do livro. Até que descubra todos os segredos por trás de Andrew (inclusive sobre sua tatuagem), e até que Camryn perca todos os seus medos e viva pela primeira vez. Se permita conhecer a história deles, e se apaixonem por cada palavra, parágrafo, página e capítulo desse livro maravilhoso.

Por fim: “[…] Você já imaginou como seria viajar pelo mundo com uma mochila nas costas?” (Camryn – pg. 9). Leia o livro, e descubra como seria essa viagem. ;)

Acho que deu para perceber que amei esse livro e, sinceramente, nem sei explicar o porque, acho que só lendo para entender. E por mais que tentasse (por mais que tentei), tive dificuldade de escrever algo sobre ele. Porém, super indico esse livro, e em breve indicarei a continuação dele também “Entre o Agora e o Sempre” (esse mês terá resenha sobre ele). Não percam tempo, leiam. *-*

Beijos, e até a próxima…

Sinopse: Você pode conferir aqui.

Jusley A.