Top 10: Maroon 5

Claro que maio não iria acabar sem um top 10, né? Estão prontos? Vamos lá…

Número #1: Moves Like Jagger (feat. Christina Aguilera)

“[…] Atire nas estrelas se achar que é o certo e mire no meu coração se sentir vontade. Leve-me embora e faça tudo ficar bem, prometo que vou me comportar.”

Número #2: She Will Be Loved

“[…] Eu sei onde você se esconde, sozinha no seu carro. Eu sei todas as coisas que fazem você ser quem você é, sei que adeus não significa nada. Ela volta e me implora para segurá-la toda vez que cair.”

Número #3: Daylight

“[…] E quando a luz do dia chegar eu vou ter que ir, mas essa noite vou te abraçar bem forte porque quando a luz do dia chegar nós estaremos separados. Mas essa noite preciso te abraçar bem forte.”

Número #4: Payphone (feat. Wiz Khalifa)

“[…] Sim, eu, eu sei que é difícil recordar as pessoas que éramos. É ainda mais difícil imaginar que você não está aqui ao meu lado. Você disse que é tarde demais para conseguir, mas será tarde demais para tentar? E no nosso tempo que você desperdiçou, todas as nossas pontes foram queimadas.”

Número #5: Love Somebody

“[…] Você é tão difícil para eu entender, me ama hoje e amanhã me abandona, sim. Mas se eu me apaixonar por você nunca me recuperarei, se eu me apaixonar por você nunca mais serei o mesmo.”

Número #6: Maps

“[…] Eu estava lá por você nas suas horas mais difíceis, eu estava lá por você nas suas noites mais obscuras.”

Número #7: One More Night

“[…] Então faço uma promessa que espero cumprir até morrer, que só ficarei com você mais uma noite e eu sei que disse milhões de vezes, mas só ficarei com você mais uma noite.”

Número #8: This Love

“[…] Esse amor me abalou. Ela disse adeus muitas vezes antes e o coração dela está partindo na minha frente, eu não tenho escolha porque não direi mais adeus.”

Número #9: Misery

“[…] Estou na miséria, não há ninguém que possa me confortar (é). Por que você não me responde? Seu silêncio está me matando lentamente. Garota, você me fez muito mal, você realmente me fez mal. Eu vou pegar você de volta, vou pegar você de volta.”

Número #10: Sugar

“[…] Eu estou machucado baby, estou despedaçado, eu preciso do seu amor, amor, eu preciso disso agora. Quando estou sem você eu sou algo fraco. Você me faz implorar, implorar, estou de joelhos.”

E o próximo top que teremos é da: RIHANNA!

Grandes beijos e abraços…

Filmes: Terror

Oi gente linda, tudo bem com vocês?

Hoje estou aqui para compartilhar com vocês o gênero de filme que mais amo. Podem me chamar de anormal (ou doida), mas meu gênero favorito é o de terror. Sim, eu pago R$10,50 (o preço da meia entrada em um dos cinemas daqui) para assistir um filme de terror. “Por que?” Porque sim. Não sei explicar… Gosto do silêncio que todos fazem quando vão assistir um filme de terror. Já repararam que todos ficam calados em filmes desse gênero? Se ele for realmente bom, todos irão prestar atenção no que está acontecendo para saber o “momento susto” e, consequentemente, ficarão calados.

Sim, amo. E só existe uma coisa que odeio em filmes de terror: Pessoas que vão assistir porque QUEREM, (para deixar claro ninguém obrigou a criatura a ir ver o filme) e ficam dando gritos, fingindo ter medo, não calam a boca porque estão fingindo que estão com medo do que vai acontecer, fecham os olhos, gritam de novo, pedem para tirar o filme, não assistem NADA e não deixam ninguém assistir. No fim, dizem que não tiveram medo e que o filme não presta. CLARO, estas criaturas passam o filme todo fazendo um monte de besteira, não deixam ninguém assistir e vem dizer que o filme não presta? Por favor, se você é assim, PARE, porque você é desagradável. Quando estou com pessoas assim, o filme se torna tão chato, tão chato, que durmo e não é porque o filme é ruim, mas a pessoa que deixou ele ruim (fica aí a dica/indireta para você que assiste filme de terror comigo e fica com gritinhos ¬¬’).

Continuando… Vou trazer para vocês hoje 5 filmes de terror BASEADOS EM FATOS REAIS (porque esses são os melhores rsrs) que já assisti. Se você não gosta de terror, nem continue lendo. Mas caso contrário aqui vão algumas indicações (eles aparecem na ordem de lançamento, não na minha ordem de preferência)…

Obs.: Lembrem de ativar as legendas em alguns dos vídeos.

Filme #1: The Amityville Horror – Horror em Amityville (2005)

Filme #2: The Exorcism of Emily Rose – O Exorcismo de Emily Rose (2005)

Filme #3: The Haunting in Connecticut – Evocando Espíritos (2009)

Filme #4: The Conjuring – Invocação do Mal (2013)

Filme #5: Annabelle (2014)

Quando estava procurando o ano de lançamento de cada filme, achei esses três que fiquei curiosa para assistir (acrescentem a lista de vocês rsrs):

Filme #6: The Strangers – Os Estranhos (2008)

Filme #7: The Devil Inside – A Filha do Mal (2012)

(Não sei se esse é baseado em fatos reais, mas parece ser legal, então decidi colocar).

Filme #8: Deliver Us From Evil – Livrai-nos do Mal (2014)

Então é isso gente, espero que vocês gostem dos filmes.

Grandes beijos e abraços…

Explicações & Greve

Oi gente, boa noite. *-*

Tem muito, muito, muito tempo que não apareço por aqui. Para ser sincera, acho que perdi até aquele costume, aquele jeitinho de escrever, mas nada que não vá voltar com o tempo. Hoje não vou trazer nenhuma postagem de um tema específico. É mais algumas explicações sobre o motivo do meu sumiço e sobre a greve.

Claro que o motivo vocês já estão cansados de ouvir falar: UFS! Esse período está terrível e as últimas semanas foram as piores (semanas de provas/trabalhos/projetos). Só sei que chegava em casa pensando: “Hoje irei publicar algo no blog.”, só que depois lembrava que tinha algo importante para fazer ou batia logo o sono/preguiça e eu não publicava nada. Foi errado esse tempo todo fora, peço-lhes desculpas.

Mas adivinham só: A UFS aderiu a greve nacional nessa segunda (25/05) e “programou” seu início para quinta (28/05). Quando termina? Só Deus sabe.

Enfim, vou tentar me organizar nessa greve. Voltar a tocar violão (tinha muito tempo que tinha parado), voltar a escrever aqui, a fazer meus rascunhos/desenhos. Planos é o que não vão faltar e podem ter certeza que eu voltarei, na verdade já estou de volta.

Grandes beijos e abraços…

Jusley A.

6 on 6: Frases

O “6 on 6” atrasado, mas tá valendo. Na semana passada e essa que vai começar, foi/vai ser muito corrida, já peço desculpas a vocês de agora.

Então, o tema desse mês foi “Frases”. A gente tinha que escolher 6 frases que gostássemos e tirasse foto delas. E aqui estão as minhas (como sempre, primeiro as fotos e só depois a explicação de cada uma, ok?).

Antes da explicação de cada foto queria dizer uma coisa: Não vou dizer o que cada frase representa (ou representava) pra mim, a explicação que darei é, somente, onde encontrei cada uma delas e quem escreveu. Acho que cada um interpreta tudo de um modo diferente, então sintam-se a vontade de tirar suas próprias conclusões sobre o “significado” de cada frase.

Foto 1: “Você não tem a obrigação de ser gentil com quem te trata como objeto”: Essa frase encontrei em uma das paredes da UFS. Pois é, você pode encontrar muita coisa legal escrita nas paredes de um banheiro rsrs. Faz muito tempo que vi essa frase e tirei foto para mostrar a sei lá quem (nem lembro mais rsrs). Gostei dessa frase e só.

Foto 2: “Tentar e errar, mas não desistir”: Aquele momento no qual me envergonho, pois escrevi a frase incompleta e só percebi agora na hora de postar. O certo é: “Tentar e errar, mas não desistir de tentar”, mas como achei que o significado não mudou (mesmo com ela incompleta), resolvi deixar. Essa frase (re)encontrei ela em um aplicativo chamado Timehop, ele mostra para você tudo que você já publicou a 1 ano, 2 anos, 3 anos, QUATRO ANOS, atrás. Ok, é idiota, mas é legal rsrs. Continuando… Você escolhe quais redes sociais ele vai mostrar, no meu ele mostra só o do facebook e o do twitter, e foi lá que vi essa frase. Havia publicado ela no facebook anos atrás, porém não tinha colocado quem escreveu (Valeu, Jusley do passado ¬¬’).

Foto 3: “Não tenha medo de viver algo que pode lhe proporcionar uma felicidade infinita, mesmo que esse infinito seja de um dia”: Essa foi recente e quem escreveu foi: EU! rsrs. Bom, eu disse isso como conselho para uma amiga e achei que seria legal compartilhar com vocês.

Foto 4: “Who can you trust?“: Tradução: “Em quem você pode confiar?”, essa frase é da música: Gold de Imagine Dragons, ela faz parte do novo CD deles. E, acho, que é uma pergunta que todos deveriam fazer (quase) sempre: em quem você pode confiar?

Foto 5: “O que você quer ser quando crescer? Absurdamente feliz” Eu simplesmente amei essa frase. Ela faz parte de um diálogo dos quadrinhos do Snoopy.

Foto 6: “Alis Volat Propriis“: Tradução: “Voe com suas próprias asas”, não tenho muito o que comentar sobre ela. Ela é minha preferida. Infelizmente, não sei quem criou, não lembro onde achei, mas sei que é minha preferida e isso basta.

Então é isso gente. Espero que vocês gostem do “6 on 6” desse mês e olhem o das outras meninas (e desculpa o atraso na postagem): “Cantinho da Taah” — Thaís; “Simply One Story” — Raquel; “Primavera Agridoce” — Bruna; e o “Livreando” — Tammy.

Grandes beijos e abraços…